Extrato de Própolis

A própolis é composta basicamente por resinas vegetais coletadas pelas abelhas nas plantas. Elas adicionam um pouco de cera à essas resinas e usam esse material para vedar todas as frestas da colmeia, fixar os favos de cera e também como impermeabilizante de seu ninho.


Além desse uso estrutural da própolis, a liberação de compostos voláteis presentes nas resinas pelo ambiente atuam com o sistema imunológico do enxame, combatendo a ação de diversas doenças.


E são esses compostos que beneficiam o sistema imune que faz o extrato de própolis ser tão especial!

Nosso extrato de própolis leva dois ingredientes básicos: álcool de cereais e própolis bruta, produzida na região da Cuesta de Botucatu.


A origem de nossa própolis é silvestre, com predomínio da famosa própolis verde. Ela tem como fonte de coleta a vassourinha-do-campo (Baccharis dracunculifolia), um arbusto típico do bioma Cerrado.


Usamos 20% de concentração mínima, extraíndo grande parte dos compostos terapêuticos, em potes de 30ml.


Nossa sugestão de uso é de 10 a 15 gotas, direto na boca ou diluído em água, suco ou leite, podendo ser diariamente.

Benefícios da Própolis



O uso da própolis traz inúmeros benefícios para o organismo. De forma geral, ela age na modulação do sistema imunológico, ajudando o corpo nas respostas contra a invasão de agentes patogênicos, principalmente pela ação de terpenos e flavonoides. Também pode ser usada como antisséptico e aplicada em cortes e ferimentos, ajudando muito na cicatrização.

  • Tratamento de feridas com ação antimicrobiana
  • Irritações na garganta e tosse
  • Melhora no sistema imunológico
  • Colabora para a saúde bucal
  • Auxilia o sistema gastrointestinal
  • Antioxidante
  • Tratamentos ginecológicos
  • Ação antifúngica e antimicótica
  • Entre muitos outros!!!

Fonte: Pasupuleti, V. R., Sammugam, L., Ramesh, N., & Gan, S. H. (2017). Honey, propolis, and royal jelly: a comprehensive review of their biological actions and health benefits. Oxidative medicine and cellular longevity, 2017.